estenose da coluna lombar

Estenose da coluna lombar: quais os tratamentos?

A saúde da coluna vertebral é indispensável para todo indivíduo, independentemente da idade. Entretanto, com o envelhecimento natural, a estrutura está sujeita a complicações sérias, como a estenose da coluna lombar.

Decorrente do estreitamento do canal vertebral, a estenose da coluna lombar provoca problemas que comprometem o bem-estar e a execução de movimentos básicos – devido à compressão dos nervos na coluna, que podem afetar outras partes do corpo.

Neste post você vai entender o que é a estenose da coluna lombar e quais são os principais tratamentos para o problema. Continue a leitura e saiba tudo para procurar ajuda médica em tempo hábil e garantir que nada atrapalhe a sua saúde!

Afinal, o que é a estenose da coluna lombar?

A estenose da coluna lombar é um problema que acontece com o estreitamento do canal vertebral, na parte inferior da coluna. Dessa forma, as raízes nervosas, como as que formam o nervo ciático, são comprimidas causando diversos desconfortos.

Esse processo pode levar alguns anos para a acontecer e normalmente, afeta pessoas acima dos 50 anos devido a condições degenerativas. Embora também possa afetar pessoas mais jovens, por causas congênitas.

Os principais sintomas da estenose da coluna lombar são:

  • cansaço e sensação de peso nas pernas;
  • choque, formigamento ou cãibras nas pernas;
  • dificuldade e dor ao andar;
  • dor lombar;
  • dor nas pernas e glúteos.

Quando o paciente apresenta os sintomas é essencial procurar uma consulta com um médico especialista para avaliação do quadro. O diagnóstico é realizado pela avaliação dos sintomas e exames de imagem.

Quais são os tratamentos?

Após a avaliação detalhada do paciente, o médico pode indicar diversos tipos de tratamentos. Nesse sentido, é possível que o individuo seja submetido a apenas um, ou a uma combinação de tratamentos.

Veja quais os principais!

Procedimentos Cirúrgicos

As cirurgias são indicadas quando outros tipos de tratamentos não são suficientes para resolver o problema e o paciente continua apresentando sintomas. Os procedimentos são realizados para aliviar a pressão na medula, com a Laminectomia, Laminotomia, Foraminotomia e Facetectomia medial.

Medicamentos

A prescrição de medicamentos anti-inflamatórios, analgésicos, relaxantes musculares e até injeções epidurais também são uma forma para tratar a estenose da coluna lombar. Entretanto, os medicamentos devem ser receitados pelo médico e a automedicação deve ser evitada.

Exercícios específicos

A prática de exercícios específicos acompanhados por um médico especialista também é uma maneira para tratar a estenose da coluna lombar. Além do fortalecimento da lombar, os exercícios evitam a progressão das dores.

Outro método poderoso para a saúde da coluna é a Quiropraxia, que é capaz de agir preventivamente para evitar problemas graves. Ela é um tipo de terapia que contribui para amenizar diversos sintomas, como:

  • correção da postura;
  • dor na coluna;
  • dor nas articulações dos membros;
  • dor no pescoço;
  • dores crônicas;
  • fadiga muscular.

A saúde da coluna deve ser vista como uma prioridade, pois se trata de uma estrutura importante e tem influência em todos os movimentos. Por isso, adotar hábitos preventivos é indispensável para evitar complicações.

Portanto, é fundamental ter atenção e procurar uma consulta médica assim que os sintomas da estenose da coluna lombar começarem a se manifestar. Assim, você garante um tratamento eficiente para evitar a limitação funcional, dores e qualquer risco para a sua qualidade de vida.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como médico e quiropata em Guarapuava

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp